28 de outubro de 2009

Eleições em Moçambique



O mesmo faz-de-conta, o mesmo desperdício de recursos, o mesmo folclore, o mesmo circo eleitoral de palhaços pobres de palavras ocas, à moçambicana... O mesmo jogo daqueles que apenas usam o mecanismo eleitoral, que tanto agrada aos coniventes parceiros internacionais, para se perpetuar, para mostrar aos seus e aos outros a sua força avassaladora. Para legitimar o poder de quem pretende ficar, pelo menos mais 200 anos... sem alternativa futura que não saia do próprio partido do Poder...